Arquivo da categoria: fotografia

Paraíso para gatos na Terra

Você é amante de gatos? Então essa é para você. Fubirai, um fotógrafo profissional, passou cinco anos na ilha de Fukuoka, no Japão. A ilha poderia ser um lugar comum, onde você encontra pescadores e mais nada, não fosse por uma particularidade: ela é cercada de gatos! Milhares de bichanos andam livres pelas ruas, portos e casas sem serem incomodados, e ainda são alimentados pelos pescadores locais!

Fotos de animais de estimação sempre nos deixam apaixonados, mas essas, pela particularidade de os gatos estarem super acostumados com o contato com humanos, são muito mais espontâneas.

Confira algumas:

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Anúncios

Bordados realistas

mostramos aqui no blog os impressionantes desenhos super realistas que alguns artistas produzem. Agora, mais impressionante ainda é a arte de Cayce Zavaglia: ela faz retratos realistas também, mas usando outro material, LINHA!

A pintora utiliza seus dotes para fazer bordados que mais parecem fotografias de tão realistas que são!  Confira alguns trabalhos:

ImagemImagem

Neste vídeo podemos entender como os retratos são produzidos.

Onde mais a criatividade do homem vai chegar?!

80 anos da história fotográfica britânica

O SESI-SP, em parceria com a British Council, estreou, no dia 25 de setembro, a maior mostra da América Latina de fotografias britânicas tiradas nos últimos 80 anos. A exposição, intitulada OBSERVADORES: Fotógrafos da Cena Britânica desde 1930 até hoje, reúne fotos de diferentes ambientes que traçam um perfil de fotos da Inglaterra desde os anos de 1930 até os dias atuais.

São vistas pessoas da aristocracia britânica até anônimos nas ruas, paisagens antigas se contrapõem à correria dos dias atuais, imagens de câmeras analógicas e câmeras digitais se unem para mostrar 80 anos da história da fotografia britânica. Estão reunidos fotógrafos britânicos influentes, tais como Bill Brandt, Martin Parr, Wolfgang Tillman, Cecil Beaton, George Rodger, Richard Billingham, Derek Ridgers, Tony Ray-Jones e Daniel Meadows.

ImagemImagemImagemImagem

Exposição: Observadores: fotógrafos da cena britânica desde 1930 até hoje
Local: Galeria de Arte do Sesi-SP – Centro Cultural Fiesp – Ruth Cardoso
End.: Av. Paulista, 1313
Temporada: 25 de setembro a 25 de novembro de 2012
Informações: (11) 3146-7405 e (11) 3146-7406
Entrada franca. 

Google Street View capta imagens 360° do fundo do mar

O programa do Google Maps chamado Google Street View, depois de colocar no ar fotos 360° da Antártida, Alpes Suíços e de fábricas como a LegoLand se atreveu em mais uma aventura – dessa vez eles foram até o fundo do mar e registraram fotos incríveis em 360° das paisagens que são encontradas nas profundezas.

Imagens de lugares como Hanauma Bay e Molokini Crater no Havaí, a Ilha de Apo nas Filipinas e a Grande Barreira de Coral na Austrália foram registradas e recolhidas pela Catlin Seaview Survey, um projeto que estuda o impacto do aquecimento global em recifes de coral.

A ferramenta está se aprimorando cada vez mais, permitindo às pessoas do mundo todo que conheçam lugares que antes seria impossível conhecerem (somente por fotos), criando um novo mundo em 3D onde tudo é possível. O Google já tem a promessa de registrar fotos em 360° para o Street View da nossa Floresta Amazônica ano que vem!

ImagemImagemImagem

Fogos de artifício como nunca vimos

O fotógrafo canadense David Johnson usou de uma técnica diferente para fazer um ensaio de fogos de artifício: a longa exposição.  Nessa técnica deixa-se o obturador aberto por mais tempo, fazendo com que a luz passe pela película fotográfica ou pelo sensor digital, com isso a imagem que se terá após a fotografia ser tirada é uma imagem estática muito mais viva de todo o tempo em que o obturador levou para abrir e fechar – isso se não houver movimentação nenhuma no cenário. Agora, se o cenário estiver em movimento, principalmente de luzes a noite, aí o resultado é magnífico!  Quanto maior o tempo de exposição, mais impressionante a foto fica!

Confira alguns dos resultados das fotos de Johnson, em algumas imagens os fogos nos lembram lindas flores:

ImagemImagemImagem

ImagemNo site do fotógrafo podemos conferir todas as fotos dos fogos de artifício e outra de cenários que Davey utilizou da mesma técnica de longa exposição.

Hiperrealismo

Imagem

Se você acha que a imagem acima é uma fotografia, se enganou! Olhe de novo e perceberá que não passa de uma impressionante pintura hiperrealista, que a primeira vista não nos passa outra impressão a não ser de que é, sim, uma foto. O artista é Jeff Ramirez que, apesar de ter no sangue a arte – sua mãe era pintora e o pai tinha grande habilidade em lidar com madeira – não se diz incentivado para o mundo artístico, foi estudar programação de computadores e se viu mais preocupado com a aparência de seus trabalhos do que com as funcionalidades dos mesmos.  Foi aí que percebeu o inegável: seu dom era mesmo para a arte.

Confira alguns dos trabalhos de Ramirez:

Imagem

Imagem

Outros nomes

Não é só Jeff Ramirez que tem o dom para o fotorrealismo, confira abaixo outros nomes dessa incrível arte:

Joe Simpson

ImagemImagem

Denis Petersen

ImagemImagemImportância da fotografia

Quem pensa que esse tipo de arte vem para desbancar a fotografia, algo como “nós humanos conseguimos, também, fazer a relaidade” está enganado. Um dos princípios do hiperrealismo é que as pinturas têm como base uma fotografia: o artista se baseia em uma foto para reproduzir o que deseja. O uso de projetores para auxiliar na hora de passar a foto para o papel é muito comum para ampliação da imagem podendo, assim, colocar todos os pequenos detalhes na arte.

Nota

Dois trabalhos muito legais mostram uma releitura das obras de Banksy. Um deles por meio de fotografias, os famosos grafites do artista anônimo ganharam vida nas lentes do fotógrafo londrino Nick Stern, que registrou modelos nas mesmas poses que os … Continuar lendo